Será como conversar com um amigo...

 

A oração é uma reverente conversa com Deus, o meio pelo qual nos comunicamos directamente com Ele. A oração é o "abrir o coração como a um amigo". A oração não abaixa Deus até nós, mas revela-nos a Ele. Orar não significa traçar planos para Deus seguir ou exigir que a vontade dEle seja mudada, mas reconhecer quais são os planos divinos.

  

Jesus orava constantemente. Ele gostava de ficar à sós com Deus e, inúmeras vezes dirigia-se a um lugar deserto e ali orava. Quando explicou Sua missão terrestre, Jesus manifestou a dependência que Ele tinha, do Seu Pai celestial: "Eu nada posso fazer de mim mesmo". João 5:30. Enquanto Jesus viveu nesse mundo, Ele foi guiado pela vontade do Pai a cada Passo. Por isso, orava muito. E, se Ele dependia de Deus, quanto mais nós.

 

Que maravilha, nós também possuímos o privilégio de falar com Deus. Vamos entregar a Deus tudo quanto causa insegurança em nós, coisa alguma é muito grande para Ele, pois sustenta os mundos e dirige o Universo. Nada do que, de algum modo, se relacione com a nossa paz é tão insignificante que Ele possa deixar de observar.  Não há nenhum capítulo demasiado obscuro para que Ele não possa entender; dificuldade alguma por demais complicada que  Ele não possa resolver.

 

 

Nenhuma oração sincera que lhe escape dos lábios, ficará perdida, sem que seja observada pelo Pai celeste, ou sem que lhe atraia o imediato interesse. As Suas misericórdias não tem fim, renovam-se a cada manhã...

 

 

publicado por Enigma. às 18:23 | comentar sinceramente | favorito